Programa Família Acolhedora habilita as primeiras famílias voluntárias em Cianorte

Publicado: 02/03/2020

Próxima capacitação já está com as inscrições abertas, com início previsto para abril

A noite da última sexta-feira (28) ficou marcada na trajetória do Serviço de Acolhimento em Cianorte. Isto porque, o Programa Família Acolhedora concedeu o certificado de habilitação às três primeiras famílias que concluíram a capacitação no município e que, assim, estão aptas a acolher crianças ou adolescentes que foram afastados do convívio de sua família de origem e estão sob medida protetiva, até que seja viabilizada a sua reintegração familiar, encaminhamento para a família extensa ou adoção.

A iniciativa está prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e foi instituída em Cianorte em abril de 2018, pela parceria entre a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, e o Ministério Público. “Este é um passo muito importante na consolidação do Programa Família Acolhedora em nosso município, pois, a partir de agora, já podemos proporcionar um atendimento individualizado, dentro de uma família, às nossas crianças e adolescentes que se encontram em situação de risco, evitando, desta forma, a institucionalização e permitindo um melhor desenvolvimento físico, psíquico e social”, destacou a secretária da pasta, Marlene Bataglia.

A conclusão do curso foi marcada pelas orientações da psicóloga do Serviço Auxiliar da Infância e Juventude (SAIJ), Lilian Favoreto, sobre medidas de proteção e processos judiciais. A ocasião também contou com a participação da equipe técnica do Serviço de Acolhimento Familiar – Família Acolhedora e de servidores da Divisão dos Direitos da Criança e do Adolescente. Foram entregues certificados de conclusão para todos os membros de cada família, assim como uma lembrancinha confeccionada pelos adolescentes que se encontram em acolhimento institucional em parceria com o CAPSi.

A próxima capacitação já está com as inscrições abertas, com início previsto para abril, e as famílias interessadas em participar devem efetuar cadastro na Divisão dos Direitos da Criança e do Adolescente, localizada na Rua Ouro Verde, 161; pelo e-mail acolhimento.smas@cianorte.pr.gov.br; ou pelos telefones (44) 3619-6381 / (44) 9 9115-7613. “Para mais esclarecimentos sobre o programa, é só entrar em contato. Estamos à disposição para tirar dúvidas e, caso necessário, agendar uma visita, que pode ser tanto da família à sede quanto da nossa equipe à sua residência”, afirmou o chefe da Divisão, Fernando Oswaldo Ribeiro.

Fonte: Assessoria de Comunicação