Processo seletivo contrata profissionais para atuarem no Serviço de Acolhimento Institucional para Crianças e Adolescentes

Publicado: 28/03/2018

Salários vão de R$ 1.471,00 a R$2.432,00 mais benefícios

Estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo Simplificado que contratará profissionais para atuarem no Serviço de Acolhimento Institucional para Crianças e Adolescentes (Pousada da Criança), em Cianorte. As vagas são para Mãe Social/ Cuidadora Residente (01), Mãe Social/ Cuidadora Residente Substituta (02), Psicólogo (01) e Assistente Social (01). Os salários vão de R$ 1.471,00 a R$ 2.432,00 mais benefícios.

A seleção será realizada pela Aldeias Infantis SOS Brasil, empresa terceirizada credenciada pelo município, para assumir as atividades do Serviço a partir de abril. “Além dos requisitos exigidos pelo edital, é muito importante que os candidatos tenham afinidade com o trabalho, tendo em vista que mais do que oferecer às crianças e adolescentes que se encontram em risco social e pessoal um serviço, queremos garantir um lar, onde eles se sintam, de fato, acolhidos”, comenta a secretária de Assistência Social de Cianorte, Marlene Benalia Bataglia.

A seleção dos candidatos pela Aldeias contará com cinco etapas de caráter eliminatório e classificatório. A primeira delas é a do envio do currículo até o dia 02 de abril para os e-mails goioere.pr@aldeiasinfantis.org.br e alex.thomazi@aldeiasinfantis.org.br. Ela é seguida da entrevista coletiva (04/04), da avaliação por competências (05 e 06/04), da avaliação psicológica (09 e 10/04) e do exame médico admissional (12/04). A contratação deve ser efetuada ainda no dia 13 do mesmo mês. Mais informações podem ser obtidas no edital, disponível nas fotos desta matéria.

REQUISITOS

Mãe Social/ Cuidadora Residente e Mãe Social/ Cuidadora Residente Substituta

O cargo é voltado para mulheres maiores de 25 anos, com o Ensino Médio completo e experiência no cuidado de crianças e adolescentes. É desejável aptidão para o trabalho em equipe e disponibilidade integral de horários, inclusive para viagens de formação. A Mãe Social é referência no núcleo de atendimento, já que, além de cuidar da moradia, com serviços de organização, limpeza, entre outros, também apoia o desenvolvimento dos atendidos e facilita a manutenção dos vínculos familiares e a convivência comunitária. O salário para o cargo de Mãe Social é de R$ 2.094,00 enquanto para o de Mãe Social Substituta é de R$ 1.1471,00. Em ambos, a carga horária é intermitente (horário integral) e são ofertados, como benefício, plano de saúde coparticipativo.

Psicóloga(o)

Podem participar do processo seletivo para a vaga os profissionais com nível superior completo em Psicologia e que possuam registro ativo no Conselho de Classe. São desejáveis conhecimentos em inglês ou espanhol, informática, domínio de legislações relacionadas à área, facilidade de trabalho em equipe, disponibilidade para viajar, habilitação na categoria B, entre outros requisitos. Os principais trabalhos a serem desenvolvidos são orientações das mães sociais, atendimentos e acompanhamento dos usuários, visitas domiciliares, elaboração de relatórios, participação em audiências, e outros. O salário é de R$ 2.432,00, mais plano de saúde coparticipativo e vale-refeição. A carga horária semanal é de 44 horas.

Assistente Social

Para a vaga de assistente social podem se inscrever pessoas com o nível superior completo em Serviço Social com registo no Conselho de Classe regular. Para exercer a função é desejável que o profissional possua conhecimentos da legislação relativa às políticas voltadas para a infância e a adolescência, tenha experiência na função, possua conhecimentos em inglês ou espanhol, habilidades em informática, habilitação na categoria B, entre outros requisitos. Ele irá trabalhar na elaboração de documentos, visitas domiciliares às famílias e terceiros que possuam vínculos com os acolhidos, apoio no processo de acolhimento, entre outras funções. O salário é de R$ 2.045,00, mais plano de saúde coparticipativo e vale-refeição. A carga horária é de 30 horas semanais.

Fonte: Assessoria de Comunicação