Prefeito anuncia segundo caso de coronavírus em Cianorte e adota novas medidas

Publicado: 17/03/2020

Na manhã dessa quarta-feira (17), o prefeito Bongiorno reuniu a imprensa local para comunicar o segundo caso do novo coronavírus, bem como as medidas adotadas em Cianorte. Na oportunidade, o gestor informou também que 15 novos casos estão sob investigação, e já se encontram em isolamento domiciliar, aguardando os exames. Entre as medidas anunciadas estão a paralisação das aulas na Rede Municipal de Ensino e suspensão do transporte escolar, por tempo indeterminado; a suspensão de consultas e cirurgias eletivas, que serão realizadas apenas em casos de urgência; e a suspensão dos jogos escolares.

Para a secretária municipal de Saúde, Michelly Poliana Viguiato Pricinotto, a população precisa se conscientizar da gravidade da situação. “As medidas de higiene são fundamentais para evitar a contaminação. Estamos em uma força tarefa para barrar o avanço do coronavírus em Cianorte. Já estamos monitorando outras 22 pessoas que devem chegar de viagem nos próximos dias”, destacou a secretária. “Esse novo caso positivo, trata-se de uma mulher, de 62 anos, que já estava internada no Hospital Santa Casa. Ela recebeu o tratamento adequado e agora já está em casa, mas, por recomendação médica, deve continuar no isolamento domiciliar por dez dias”, concluiu.

Quando a transmissão é comunitária, já não é mais possível saber sua origem. Na prática, isso quer dizer que algumas pessoas podem passar o vírus para outras que não necessariamente viajaram para fora do país.  “A medida adotada pelo prefeito Bongiorno, de paralisar as aulas, demonstra sua sensibilidade e responsabilidade com o bem-estar de todos. Pedimos a compreensão de todos, pois sabemos que a medida pode gerar transtornos aos pais, mas é uma questão de saúde pública”, destacou a secretária municipal de Educação e Cultura, Maria Neuza Casassa.

Para facilitar as ações de enfrentamento ao Covid-19, o prefeito decretou Situação de Emergência no Município. "Todos nós temos a obrigação de evitar a aglomeração de pessoas, para que tenhamos o mínimo de casos possíveis, e para que o sistema de saúde possa atender aqueles que vão precisar de atendimento", explicou o gestor. “Não é motivo para pânico, mas uma demonstração importante para que as pessoas redobrem os cuidados e possamos diminuir a velocidade de disseminação do vírus”, concluiu. Na oportunidade o vice-prefeito e presidente do Sinveste, Beto Nabhan, anunciou o cancelamento do desfile de lançamento da Expovest, que seria realizado no próximo dia 29, porém, o atendimento nos shoppings atacadistas está mantido. Também estiveram presentes o vereador Dadá; o subprocurador jurídico, Dr. Mário Lubasky; e a secretária executiva do Ciscenop, Andréia Lemos.

Fonte: Assessoria de Comunicação